Archive for Fevereiro, 2006

Pírusas, o fiel amigo.

E aconteceu o seguinte: Estava eu no outro dia a tomar um cafézito com um amigo meu, e eis-nos à frente uma senhora de idade. Já com a pele um pouco mais do que encarquilhada, mas ora bolas, cheia de vida nas pernas. Enfim, dar-lhe-ia aí uns 70 anitos. A jovem senhora entra pelo café adentro, com uma mala de senhora com uns bons trinta quilos, tanta era a traquitana que trazia, e senta-se na cadeira. O empregado de balcão, ao vêr tal senhora, dirige-se até ela e fala-lhe muito educadamente.
Até aqui tudo muito bem. A mulher pede a sua tostazita e a meia-de-leite, o educado rapaz traz-lhe o pedido. O local produz-nos nos ouvidos aquele típico barulho de café a sair, gente a falar e chávenas a lavar. Pior pior, foi depois…
Imaginem a coisa. Estão a tomar café e a falar da vida com um amigo vosso. Uma simpática senhora toma a sua meia-de-leite e a tostazita, e passa nisto mais de 15 minutos. De repente, a sala cala-se. O barulho que nos envolvia quebra-se num silêncio assustador. A mulher levanta-se e grita:

AÍ O MEU PÍRUSAS!! AÍ QUE EU PERDI O MEU CÃOZINHO!! PÍRUSAS, FILHO, ONDE TE METES-TE?!?
Perante isto o que é normal fazer? O que aconteceu a seguir. Uma dúzia de pessoas começa a olhar para o chão para vêr se, por ventura, o cão não estaria debaixo da sua mesa. A mulher aos gritos, pega nas coisas e sai do café a correr. PÍRUSAS, PÍRUSAS… E ficam todos dentro do café a olhar uns para os outros, com aquela típica cara de parvo(a).
Acontece que, momentos depois, me deu para pensar. Algo raro, bem sei, mas deu-me para pensar. E ali estava eu, a recordar-me da entrada vitoriosa daquela mulher naquele lugar, sozinha naquela café… Espera aí, eu disse sozinha?! Hum, bem me pareceu… É que, de facto, a mulher entrou SOZINHA no café, e passados 15 a 20 minutos de lá estar dentro, lembra-se que não sabe do raio do cão!!! E por isso uma dúzia de gente fica a fazer cara de parva, a olhar para o chão à procura do canito e com pena da mulher.
O que eu penso disto é que debaixo daquela mulher de pele encarquilhada escondia-se uma outra bem mais nova, com terríveis pensamentos malígnos na mente. E penso também que a mulher comeu a bela da tosta e a meia-de-leite à pala porque perdeu o seu Pírusas e nem tempo teve para PAGAR!!! Mesmo sem saber do Pírusas à mais de 20 minutos!!!
Quanto a mim, parece-me um bom disfarce. A mulher vai à sua vida sem pagar o que come, e ainda lhe dizem: “Óh mulher, corra, corra e vá atrás do cão que ainda o encontra!!”. E eu tudo bem…
Ps. às tantas, o tal cão, estava dentro da mala de senhora. Bem que me parecia que aquela mala era muito voluptuosa…
Anúncios

Fevereiro 3, 2006 at 1:05 pm 1 comentário


Fevereiro 2006
D S T Q Q S S
« Jan   Mar »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728  

Fresco, fresquinho!

Estatísticas...

  • 6,627 + (10700, no Blogger...)