Archive for Abril, 2008

Chegada.

“Quando à tua frente se abrirem muitas estradas e não souberes a que hás-de escolher, não metas por uma ao acaso, senta-te e espera. Respira com a mesma profundidade confiante com que respiras-te no dia em que vieste ao mundo, e sem deixares que nada te distraia, espera e volta a esperar. Fica quieta, em silêncio, e ouve o teu coração. Quando ele te falar, levanta-te, e vai para onde ele te levar.”

Autor desconhecido

Abril 28, 2008 at 12:14 am 3 comentários

Desformar.

Sê inteiro. Integro. Procura o pouco que há em ti e repara no que ainda tens de moldar. É que ainda que hoje estejas perfeito, no teu amanhã essa tua plenitude deixa de o ser. E antes que permaneças encostado, molda-te desde ja como se àgua fosses: terás sempre a forma que quiseres, mas tão permanentemente serás retocado, seja pelas tuas mãos, pelas dos que te rodeiam, ou mesmo pelo vento que te agita…

Abril 10, 2008 at 11:06 pm 2 comentários


Abril 2008
D S T Q Q S S
« Mar   Maio »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Fresco, fresquinho!

Estatísticas...

  • 6,624 + (10700, no Blogger...)